Notícias

Secretaria destaca potencial de produção da tilápia em tanques-rede no Tocantins em canal Terra Viva

31/07/2020 - Amanda Oliveira/Governo do Tocantins

Em entrevista concedida ao canal Terra Viva na manhã desta sexta-feira, 30, o zootecnista da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Thiago Tardivo, explica sobre o potencial da piscicultura no Tocantins, destacando o cultivo da tilápia em tanques-rede, primeiro do Estado, instalado no município de Brejinho de Nazaré.

Thiago observa que, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) é uma parceira importante no processo de implantação do projeto no Tocantins. “No primeiro cultivo de tilápia em tanques- rede no Tocantins, no município de Brejinho de Nazaré é realizado o monitoramento da Embrapa, com a coleta dados que serão publicados para mostrar toda a viabilidade técnica e econômica da produção da espécie dentro do Estado”, disse Thiago, ressaltando que, “com a licença agora é possível agregar valor no pacote tecnológico, tanto para o grande, como para o pequeno produtor”.

De acordo a Agência Nacional de Águas (ANA), a capacidade de produção dos reservatórios é de 291 mil toneladas de pescados, sendo um potencial de desenvolvimento da atividade nas regiões aptas a produção de peixes no Estado, no decorrer próximos anos.

O zootecnista afirma que a atividade é também uma forma de manter o homem no campo. Ele frisou ainda a importância do incentivo do Governo do Estado com a assistência técnica, principalmente para os pequenos produtores.

 “A atividade é também uma forma de manter o homem no campo, por gerar resultados, reduzindo o êxodo rural, trazendo renda e proporcionando aos pequenos produtores uma nova profissão, principalmente aos pescadores e ribeirinhos, agregando valor de uma forma mais profissional, com mais gerenciamento e produtividade, isso, graças à assistência técnica que o Governo tem concedido aos pequenos produtores, que é essencial para o crescimento de suas atividades”, completou o zootecnista Thiago Tardivo.

 

Veja entrevista no link:

https://www.youtube.com/watch?v=byenzpiNSd8&feature=youtu.be