Notícias

Secretaria da Agricultura participa de Workshop sobre Pesca Amadora e Esportiva

09/11/2020 - Elmiro de Deus/Governo do Tocantins

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), participa do “Workshop da Pesca Amadora e Esportiva”, realizado pela Escola Nacional de Gestão Agropecuária (ENAGRO), ligada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). O evento acontecerá nos dias, 10 e 11 de novembro e para participar o interessado deverá acessar o canal da ENAGRO no Youtube, a partir das 8h30.

 O workshop tem como objetivo conhecer as práticas de pesca amadora/esportiva continental, marinha e subaquática que estão sendo desenvolvidas e promovidas no Brasil, como também promover a discussão sobre a proposta de alteração da Instrução Normativa Interministerial Ministério da Pesca e Aquicultura/Ministério do Meio Ambiente (MPA/MMA), publicada em 13 de junho de 2012, que estabelece normas gerais para o exercício da pesca amadora em todo território nacional. 

Entre os temas em debates estão: ordenamento e gestão da pesca amadora/esportiva em âmbito nacional; panorama da pesca da pesca esportiva e competições profissionais no Brasil; a cadeia do turismo associada à pesca esportiva; pesca esportiva e pesca profissional; sobrevivência de tucunaré após o pesque e solte; apresentação da Instrução Normativa, entre outros assuntos.

Na ocasião, o zootecnista da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Thiago Tardivo fará uma apresentação com o tema “Pesca Esportiva e Cota Zero no Estado do Tocantins”.  Segundo o zootecnista, cada Estado vai apresentar o que está sendo desenvolvido. “Vamos apresentar as normativas legais da pesca amadora e esportiva, e o governo faz um excelente trabalho neste segmento da pesca esportiva por meio do Plano Estratégico Operacional do Desenvolvimento do Turismo da Pesca Esportiva no Tocantins, desenvolvida pela Agência de Desenvolvimento, Turismo, Cultura e Economia (Adetuc). Vamos explanar sobre a permissão da pesca esportiva, neste período da piracema, baseada no decreto pelo Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins)”, disse.