Notícias

Governo inicia multiplicação de variedades de mandioca com alto potencial produtivo para produtores

18/11/2020 - Elmiro de Deus/Governo do Tocantins

A produção de mandioca no Tocantins é uma atividade presente nos 139 municípios tocantinenses, sendo além de grande geradora de renda, fonte de alimento para milhares de agricultores, o que inclui o consumo in natura e processada (farinha, fécula e produtos derivados). Neste sentido, a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro) iniciou no mês de novembro um canteiro de cultivo da mandioca (mesa e industrial) com alto potencial de produtividade. O espaço para multiplicação da maniva da mandioca ocupa um pouco mais de 2 hectares, localizado no Centro Agrotecnológico de Palmas.

“O Tocantins tem aproximadamente quarenta e cinco mil agricultores familiares, e a cultura da mandioca é cultivada em praticamente todos os estabelecimentos rurais. Esse novo canteiro no Centro Agrotecnológico terá recomendações técnicas que vão possibilitar o melhoramento do desempenho na produção. As variedades de mandioca que estão sendo multiplicadas são adaptadas às condições edafoclimáticas do Tocantins”, explicou o Secretário da Seagro, Thiago Dourado.

Segundos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2019, o Tocantins produziu mais de 225 mil toneladas de mandioca, distribuídas em mais de 15 mil hectares, pode-se ressaltar, que a produtividade média tocantinense é de 15.700 mil quilos por hectare, acima da média nacional que é de 14.700 mil quilos por hectare, ainda segundo o IBGE.

De acordo com o técnico agrícola da Seagro, Paulo Pereira Barros, “além do clima favorável, chuvas em períodos definidos, a qualidade das manivas, o manejo adequado, pesquisa, difusão de tecnologias como novas variedades e, a capacitação dos técnicos, que são os responsáveis por levar aos produtores todas as inovações que surgem no mercado”, são fatores primordiais para que os produtores tocantinenses alcancem maiores rendimentos, ressaltou.

As manivas, sementes da mandioca estarão disponíveis para distribuição na próxima safra, quando inicia o período chuvoso, época propícia para o plantio da mandioca no Tocantins.

Mercado

O Técnico agrícola lembra ainda que, o Tocantins tem muito a crescer em termos de agregação de valor (agroindustrializar), pois grande parte da farinha e fécula consumida no estado vem de fora, o intuito é fortalecer a economia local e vender a produção dentro do Tocantins, fomentando os comércios e atacadistas da região.