Notícias

Portal da Aquicultura apresenta sistema que integra criação de peixes e cultivo de hortaliças

11/05/2019 - Brener Nunes/Governo do Tocantins

O sistema de Aquaponia, pouco conhecido no país, está em exposição no Portal da Aquicultura, na Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins 2019). O método utilizado para a criação de peixes e cultivo de hortaliças de uma forma integrada, emprega motores, baterias e um aplicativo computadorizado.

O engenheiro elétrico, Ilmar Santos, que cria tilápias adotando a Aquaponia, em Gurupi, afirma que o sistema tem despertado interesse de pesquisadores e produtores devido aos resultados positivos. “Os peixes como a tilápia num período de 60 até 90 dias, já atingem um peso ideal para ser consumido ou comercializado”, afirmou.

O engenheiro destaca que consegue controlar todos os parâmetros, como temperatura, alimentação, qualidade da água e quantas vezes ao dia o sistema é acionado. “Programo até cinco refeições diárias, por meio de um software desenvolvido por mim”, disse.

Segundo o Ilmar Santos, o sistema possui ainda uma bateria carregada via energia solar, com autonomia de até 12 horas caso haja uma queda de eletricidade. “O consumo de energia é reduzido, gerando um custo de cerca de R$ 15 ao mês, e as bombas são de 2,5 mil litros/hora”, destacou.

Ilmar Santos complementa explicando que tanto as fezes de animais, como os restos de ração, passam pelo sistema de filtragem (filtro biológico), assim, as partículas maiores ficam retidas no fundo do filtro, e as menores sobem por meio de uma bomba que faz a novamente a circulação de parte da água para o tanque. “Uma outra porção vai para o tanque de cultivo, que, por sua vez, sustenta as plantas com os dejetos dos peixes. Assim, a água cai de volta no tanque dos peixes, completamente, limpa”, afirmou.

De acordo com o engenheiro, o sistema é totalmente fechado e não prejudica o meio ambiente. “Por exemplo, a alface é produzida em até 45 dias, e se comparado com o método tradicional, ele é duas vezes mais rápido. É um ciclo curto. E não necessita de água contínua, apenas 10% de água é liberada no ar devido à umidade e à evaporação, no período de 20 a 30 dias”, explica.

Conceito

A aquaponia é pouco conhecida no Brasil e no Tocantins, sendo mais utilizada em países com pouca disponibilidade de água ou com invernos rigorosos. O sistema consiste na integração da aquicultura com a hidroponia. Se configura  basicamente na reciclagem da água, minimizando a geração de efluentes ricos em nutrientes e evita a degradação dos recursos hídricos.