Notícias

Secretaria da Agricultura faz parceira para realizar Startup Weekend Agrotech na Agrotins 2019

13/12/2018 - Eliane Tenório – Governo do Tocantins

Com proposta de realizar eventos que apontem soluções tecnológicas para agronegócio na Agrotins 2019, a Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) recebeu nesta semana, a visita do representante da empresa Startup Weekend Agrotech Palmas, Guilherme Ferreira. Startup Agrotech são acontecimentos ligados ao agronegócio que visam desenvolver produtos ou empresas que possam gerar ideias de negócios, com investimentos financeiros mínimos, tais como desenvolver softwares entre outros.

De acordo com a gerente de tecnologia da Seagro, Valéria Mota, a instituição e a empresa Startup Weekend citada firmaram acordo para realização de startups voltados para desenvolver ideias de projetos para o setor da informática e do agronegócio. “Os eventos acontecerão durante a Agrotins 2019”, afirmou.

O secretário da Seagro, Thiago Pereira Dourado, disse que a instituição quer abrir um espaço dentro da Feira para a Agricultura 4.0. “Queremos organizar inicialmente aproximadamente três eventos no mundo dos startups, no formato do startup weekend pra promoção de novas ideias, novos conceitos, em parceria com instituições de ensino e comunidade geral. Outra ideia é trazer outras startups que já fazem sucesso no mundo Agrotech, para apresentar na Agrotins ”, afirmou.

De acordo com o coordenador do evento, Guilherme Ferreira, o evento Startup Weekend Agrotech é muito importante para o Tocantins, devido à importância que o agronegócio tem para o estado.  “Acompanhamos as soluções que estão surgindo na área, tem projeto usando visão computacional para saber o peso do boi, internet sendo usada para monitorar a qualidade da água e uso de drones para medir a saúde de uma lavoura”, exemplificou.  

Startup é uma empresa de tecnologia inovadora, com custo de manutenção baixo e que busca encontrar soluções para problemas cotidianos. Embora não se limite apenas a negócios digitais, uma startup necessita de inovação para não ser considerada uma empresa de modelo tradicional.